Feira Cultural Afro-Brasileira

Objetivo geral:

  • Trabalhar as diversidades culturais e seus diferentes aspectos;

Objetivos específicos:

  • pesquisar as diferentes culturas na instituição;
  • propiciar a interação dos diferentes grupos da instituição;

Para trabalhar o tema tão importante e de difícil compreensão para crianças pequenas optamos por iniciar com a história “Menina bonita do laço de fita”. Partindo da história as educadoras deram asas a imaginação. A história foi contada por partes e de diferentes maneiras. Em livro, em dvd, em cd.

As atividades de artes foram bem variadas, fizeram boneca com papel de bala forrando pirulito. Confeccionaram chocalhos com sucata, colagem com papel picado formando o rosto da menina. Usaram algodão para colagem do coelho, pintaram partes da história. Usaram laços de fita igual ao da menina. Usaram argila para modelar a galinha d’angola (ave típica da África).

Sempre usando a história como fonte da informação , as educadoras trabalharam na rodinha a observação das crianças. Nem todas são da mesma cor, mas são iguais a todos nós, que fazem tudo igual a todos em qualquer lugar. (Mostraram o globo terrestre- aqui é onde mora todo mundo). Será que as crianças que moram do outro lado também brincam? E então mostraram as brincadeiras africanas. (pular corda, pular elástico, brincadeiras de roda , escravos de Jó).

As crianças ouviram músicas africanas , o som dos tambores do Jongo,e a música  “galinha d’angola” de Vinícius de Moraes. Observaram instrumentos musicais como atabaque,berimbau , caxixi e kalimba.

Fizeram a observação de alimentos que fazem parte da cultura afro-brasileira- feijão, quiabo, canjica.

As turmas do Projeto Prosseguir , por conta da maior compreensão, o trabalho foi realizado com mais detalhes. Fizeram leitura de textos informativos, conheceram jogos de tabuleiro típico da cultura afro, realizaram ditado com palavras em português de origem africana, ex-cachimbo.

A turma de 09 a 12 anos trabalhou a música “Morena de Angola”, de Chico Buarque, sistematizando as palavras que são usadas como jogo na letra da música( x, ch). Confeccionaram colares e máscaras conhecendo seus significados. E como culminância foi realizada a “Feira Cultural Afro- Brasileira.”

Os trabalhos de artes foram expostos – do berçário à turma de 09 a 12 anos – houve apresentação do grupo das crianças da Escola de Jongo da Serrinha comandada pela educadora Luiza.

As educadoras Adriana e Mainara se apresentaram dançando na roda do 09 a 12 , que tocava chocalhos, a música ” Morena de Angola”. Os professores junto com as crianças realizaram uma bela apresentação de capoeira.

Para abrilhantar mais ainda a feira , a equipe da cozinha preparou canjica que foi oferecida as famílias e a todos os convidados que estavam presentes.

Apresenta+º+úo de Capoeira Apresenta+º+úo do lindo grupo Jongo da Serrinha Apresenta+º+úo Morena de Angola. M+úos a obra -  modelagem com argila e confec+º+úo de chocalho. Preparando material para exposi+º+úo Todos no ritmo de Morena de Angola! Visitando a feira Afro-Brasileira